terça-feira, 14 de julho de 2009

Comida, comida!

Aaaaah, férias! Férias!! Como esperamos por elas! Momento em que ganhamos os quilinhos perdidos durante o ano! Como?!

São viagens ao litoral, comidas gostosas e bastante calóricas, ou uma viagem ao exterior que, querendo ou não, vamos parar no fast-food. Também recebemos aqueles parentes que vieram de longe, ou vamos visitá-los, e como é lei, visitas devem ser recebidas com mesa farta.

E é estrogonofe, macarronada, peixe frito, lasanha, acarajé, churrasco, buchada de bode, feijoada, torta alemã, sorvete, tapioca, refrigerantes, cerveja, doces cristalizados, picanha virada, empadinha, pamonha, galinhada, brownie, pizza, chocolates etc, etc, etc.

São preparações deliciosas ao longo dos dias que não conseguimos resistir. Contudo, não pensamos nas consequências dessa alimentação.

Nas férias há excessões? Há, sim! Mas isso não significa que comer demasiadamente durante dias seja excessão. A alimentação saudável deve ser prioridade durante todo o tempo, deslizes à longo prazo podem prejudicar a manutenção da boa saúde.

Os apetitosos pratos não precisam ser eliminados de nossa alimentação. Comer uma vez ou outra, de preferência em dias festivos ou finais de semana, e em quantidades moderadas é aceitável.

É importante termos um estilo de vida saudável e praticar exercícios físicos regularmente!

Nós somos aquilo que comemos e o que deixamos de comer, também!

Um comentário:

  1. Vixiii vou ficar uns 6 meses ser visitar minha mae entao hehehe.

    ResponderExcluir

que tal participar do nutrição em floco?